Escola de música será homenageada pelos 28 anos de atividades

Escola de música será homenageada pelos 28 anos de atividades
A escola Momento Musical será homenageada pelo vereador Jonson Sarapu de Oliveira, o maestro Jonson (PSDB), com Voto de Congratulações pelos 28 anos de atividade em Piracicaba. O requerimento 194/2020, que propõe a entrega de homenagem a proprietária da instituição, Ivete da Silva Cunha Machado, foi aprovado nesta segunda-feira (9), na 10ª reunião ordinária.

A instituição foi fundada em 4 de março de 1992 pela musicista, regente e pedagoga Ivete da Silva Cunha Machado e iniciou sua trajetória com o oferecimento de cursos de violão, popular e erudito, e musicalização infantil, especialidades da fundadora. Logo, outros cursos foram incorporados à escola. Atualmente, são oferecidos 25 cursos.

Em 2019, a escola mudou-se para um novo espaço, localizado na avenida Torquato da Silva Leitão, número 413, no bairro São Dimas. O espaço possui salas equipadas e climatizadas, auditório, sala de ensaio, recepção, sala de espera e uma área destinada ao Batuta Café.

Hoje, a escola possui aulas de acordeon, bateria, cavaco, canto e técnica vocal, clarinete, contrabaixo, flauta doce e transversal, gaita, guitarra, percussão, piano popular e erudito, saxofone, teclado, trompete, ukulele, viola caipira e clássica, violão popular e erudito e violino popular e erudito. A instituição também oferece aulas de linguagem musical, coral, camerata de cordas, orquestra de acordeom e prática de banda.

As aulas são ministradas por profissionais com formação acadêmica e experiência na área musical em diferentes especialidades como bandas, corais, orquestras, entre outros, para crianças a partir de seis anos, adolescentes, jovens, adultos e pessoas da terceira idade.

Além disso, a escola conta com aulas de musicalização infantil para bebês de três meses a dois anos e iniciação musical I, II e III para crianças de três a seis anos.

De acordo com Maestro Jonson, a partir de 2020 a escola promoverá eventos para capacitação de seus alunos, como oficinas, workshops, open class, vivências musicais, circuitos musicais e recitais pedagógicos. Ainda neste ano, a instituição passará a contar com Jeane e Leandro, filhos de Ivete da Silva Cunha Machado, na direção pedagógica, administrativa e financeira da escola.

“Com um corpo docente especializado, a escola Momento Musical tem se destacado no mercado pela excelência no ensino e no atendimento”, disse o vereador maestro Jonson.
Mar | 23, 2020
Posts recentes
É impossível saber quando surgiu a música para a humanidade. Ela sempre existiu no canto dos pássaros e no ressoar das baleias, por exemplo. Mas não sabemos quando um homem bateu um casco de cavalo no outro e viu que o som poderia ter ritmo, ou quando ele usou a própria voz para criar uma melodia. 

Mas nós temos indícios do primeiro instrumento musical comum em todas as culturas primitivas: a flauta. Quem primeiro teve a ideia ainda é objeto de debates, assim como a data e a origem, mas em pinturas de cavernas, que datam de 60.000 a.C., foram descobertos vários desenhos de flautas e apitos. 

Sim, as primeiras flautas mais pareciam apitos: só tinham um buraco. Eram feitas de ossos, principalmente a tíbia, de humanos ou animais. É provável que o primeiro objetivo tenha sido imitar o som dos pássaros. Com o passar do tempo, o homem foi compreendendo melhor a “mecânica da coisa”, e então surgiram outros instrumentos de sopro, como o fagote e a flauta doce. 

Há aproximadamente 42 mil anos, os primeiros hominídeos sentavam-se ao redor de fogueiras, tocavam as flautas feitas de ossos e cantavam. Isso é indicado pela datação por radiocarbono de uma antiga flauta encontrada na caverna de Geissenklösterle, no vale de montanhas de Jura, ao sudeste da Alemanha. Quem descobriu isso foram pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, e da Universidade de Tübingen, na Alemanha. Eles publicaram o estudo no periódico especializado Journal of Human Evolution. 

Você que é flautista pode se orgulhar por tocar o primeiro instrumento inventado pelo homem!
O que vem a sua mente quando ouve a palavra CANTO? Para uma maioria talvez, a referência será a voz do outro, podendo ser esse um cantor(a), um familiar, um show, uma música. 

Você sabia que cantar pode auxiliar no aprendizado, cuidado e otimização da sua saúde física? Vamos olhar para outras possibilidades do ato de cantar, além de toda a extensão da arte. 

O ato de cantar também é uma ação biomecânica, que exige movimentos refinados, sincronizados de diversos sistemas e estruturas: sistema nervoso, sistema respiratório, laringe, faringe, articuladores da boca, espaços craniofaciais, postura. Contudo o ato de cantar trabalha e recruta todas essas estruturas. Pode-se fazer uma analogia com o preparo físico de atletas. 

Na primeira infância a musicalidade e o cantar podem ser utilizados também como meio de estimulação na aquisição da linguagem e da fala. Ritmo, melodias, conhecimento dos sons e tons, desenvolvem circuitos neuronais e estimulam as crianças nas imitações sonoras, foco, concentração, atenção, memória, além da vontade e necessidade de articularem esses sons potencializando a fala ea aprendizagem. 

Como o envelhecimento do corpo ao passar dos anos, haverá um declínio nas habilidades físicas para a execução de diversas atividades corporais. Ao pensarmos no CANTO como uma atividade física ele pode também prevenir/adiar dificuldades na voz do idoso e também no ato de engolir dessa população. É recorrente em meu consultório o atendimento a idosos que querem melhorar sua condição vocal para cantarem em coral ou conseguirem conversar melhor com seus amigos.

Aqui você tem voz! Não tenha medo ou vergonha, a musicalização não é importante somente para as crianças!

Fga. Me. Karine Sandalo Nalesso Me. em Saúde, Interdisciplinaridade e Reabilitação/FCM/UNICAMP 

Especialista em Distúrbio da Comunicação: Voz/PUC-SP
Quase todo cantor conhece a angústia do cansaço vocal: pode ser o cantor profissional que tem um baile de 5 horas pela frente ou três shows em um único final de semana; ou o cantor amador que deseja cantar uma música desafiadora que o deixa cansado após pouco tempo de ensaio. 

Após 20 anos de palco, eu pensava que já não teria algo que mudasse completamente meus estudos de canto. Por indicação da Marcela Costa, me deparei com algo que transformaria minha vida profissional e pessoal: uma técnica voltada para teatro musical e música pop - o Belting Contemporâneo! 

Foi em janeiro de 2019 que eu caí de paraquedas no curso mais difícil do Studio Marconi Araújo: o de capacitação. Não passei. Eu não fazia ideia desse novo mundo, então mergulhei fundo nos estudos para começar a entender essa técnica, que foi criada pelo maestro que dá nome ao estúdio, e que se baseia em tratados de canto, em fisiologia e em sua própria experiência de vida. 

Eu nunca havia visto algo que fizesse tanto sentido e trouxesse tanta luz sobre coisas que eu sentia quando cantava; afinal, o lema do Belting Contemporâneo é: “máxima projeção com o mínimo esforço”. 
Siga-nos
Entre em contato
Avenida Torquato da Silva Leitão, 413 – São Dimas – Piracicaba – SP
(19) 3371-0458
(19) 3301-2499
(19) 3371-0458
(19) 3301-2499
Avenida Torquato da Silva Leitão, 413 – São Dimas – Piracicaba – SP
FacebookInstagram
© 2019 - Momento Musical Escola de Música - Desenvolvido por Manduvi Marketing