O primeiro Instrumento Musical!

O primeiro Instrumento Musical!
É impossível saber quando surgiu a música para a humanidade. Ela sempre existiu no canto dos pássaros e no ressoar das baleias, por exemplo. Mas não sabemos quando um homem bateu um casco de cavalo no outro e viu que o som poderia ter ritmo, ou quando ele usou a própria voz para criar uma melodia. 

Mas nós temos indícios do primeiro instrumento musical comum em todas as culturas primitivas: a flauta. Quem primeiro teve a ideia ainda é objeto de debates, assim como a data e a origem, mas em pinturas de cavernas, que datam de 60.000 a.C., foram descobertos vários desenhos de flautas e apitos. 

Sim, as primeiras flautas mais pareciam apitos: só tinham um buraco. Eram feitas de ossos, principalmente a tíbia, de humanos ou animais. É provável que o primeiro objetivo tenha sido imitar o som dos pássaros. Com o passar do tempo, o homem foi compreendendo melhor a “mecânica da coisa”, e então surgiram outros instrumentos de sopro, como o fagote e a flauta doce. 

Há aproximadamente 42 mil anos, os primeiros hominídeos sentavam-se ao redor de fogueiras, tocavam as flautas feitas de ossos e cantavam. Isso é indicado pela datação por radiocarbono de uma antiga flauta encontrada na caverna de Geissenklösterle, no vale de montanhas de Jura, ao sudeste da Alemanha. Quem descobriu isso foram pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, e da Universidade de Tübingen, na Alemanha. Eles publicaram o estudo no periódico especializado Journal of Human Evolution. 

Você que é flautista pode se orgulhar por tocar o primeiro instrumento inventado pelo homem!
Jul | 30, 2020
Posts recentes

Encantar a criança e educa-lá musicalmente sempre foi um desafio para muito educadores. Assim como, realizar aulas diversificadas, de maneira lúdica, para conquistarem a atenção delas.

O papel da música no ensino, e este contato, desde a primeira infância, permite que várias habilidades sejam trabalhadas desde cedo, pois a música é rica em estímulos, contribuindo para o seu desenvolvimento integral (psicomotor, social, cognitivo, linguístico). A música é fonte de prazer e equilíbrio emocional e através dela, as crianças superam medo, vergonha, dificuldade de enfrentar o público, aceitação. Com a Educação Musical é possível também potencializar a alfabetização! 

Diante do poder da música, o domínio do educador nesse assunto é imprescindível para desenvolver nas crianças a musicalidade, com atividades diversas, com vasto e rico conteúdo melódico e rítmico, para trabalhar a coordenação motora, atenção, percepção auditiva, percepção rítmica, percepção melódica, memória e concentração. Não é cantar música, como muitos acreditam por não conhecerem este universo, é preciso ter conhecimento em planejamento de atividades que atendam os quesitos pedagógicos e musicais, trabalhando com estímulos adequados para cada fase de desenvolvimento.    

Um instrumento de fácil aquisição e prático, escolhido para musicalizar as crianças é a flauta doce! Seu timbre suave e sua capacidade melódica traz uma experiência incrível, fazendo com que as crianças se lembrem por toda a vida desse aprendizado prazeroso. Seus benefícios são inúmeros, tais como:  

• controle do sopro e respiração
• auxilia na motricidade
• trabalha a concentração e atenção
• estimula a percepção auditiva
• prepara e aperfeiçoa para o estudo de um instrumento específico

A flauta doce, inserida no conteúdo programático das aulas de música, auxilia para maior familiaridade com o mundo da música, tornando mais rápido  e interessante o ensino musical.

Pensando nisso, a Allegro Momento, um projeto incrível da Momento Musical, desenvolveu uma solução que visa auxiliar e orientar os educadores em como trabalhar esse maravilhoso instrumento em sala de aula, ampliando seu repertório e aplicando atividades inovadoras. Tudo de maneira lúdica e prazerosa, prendendo a atenção da criança! Clique aqui e saiba mais sobre “Como Ensinar Flauta Doce de Maneira Lúdica e Prática”

Você sabia que na infância as etapas de alfabetização podem ser incentivadas com músicas infantis?
Principalmente aquelas em que as palavras são rimadas e repetitivas!

Essas canções ajudam as crianças a entender o significado de cada palavra.

Além disso, a música estimula o raciocínio lógico da criança, aumenta a memória e a concentração, como também potencializa o aprendizado de idiomas.

Assim como todos os outros eventos no corpo humano, ouvir música é o resultado de uma interpretação cerebral, pois a música trabalha e desenvolve os dois hemisférios cerebrais:


1) esquerdo, responsável pela lógica, raciocínio, linguagem, números... tão importante para as aulas de matemática, português, etc.


2) direito, lida com funções intuitivas, imaginativas e criativas. Sendo assim, trabalhamos com a percepção rítmica da criança, com imaginação, história musicada, criação, composição. Por isso é tão benéfica para a vida inteira delas.


Dessa forma, quanto mais rica for a harmonia, como a diversidade de sons graves, médios, agudos, timbres e ritmos, mais estimulado será o cérebro de quem está ouvindo.

Ampliar o repertório das crianças, colocando-as em contato direto com canções com origens, estilos e instrumentos diferentes, é uma ótima forma de exercitar seu cérebro.

Conheça mais de perto a metodologia kids disponível aqui em nossa escola e garanta benefícios exclusivos para seu filho.

Estamos localizados na Avenida Torquato da Silva Leitão, 413 – São Dimas – Piracicaba – SP

Aguardamos sua visita. 

Sabe aquela música que você mais ouve?
Aquela que não sai da sua playlist!?
Que fala com você e que te faz arrepiar toda vez que escuta!

Como é que o seu corpo reage ao ouvi-la?
Você remexe, dança, se balança, pula, bate o pezinho ou bate palma?

Se o seu corpo reage de alguma forma citada acima, você está sendo chamado pelo RITMO!

Mas se o conjunto instrumental que te interessa, podemos dizer que a HARMONIA está sendo mais interessante.

Você que não se enquadra em nenhuma das propriedades acima, pode estar se perguntando: “e eu que prefiro imitar o cantor ou o solo do instrumento, onde eu me enquadro?

A resposta para você é na MELODIA!

Sabendo disso, fica muito mais fácil procurar um instrumento que seja ideal para você.

Por exemplo, se você gosta mais da harmonia, pode escolher:
Teclado, Violão, Cavaquinho, Acordeon, entre outros.

Para você que se interessa mais pelo ritmo, provavelmente os percussivos vão te chamar mais a atenção.
Como por exemplo: Bateria, Cajon, Chocalho, Pandeiro, Triângulo, entre outros.

Mas se a sua escolha for melodia, talvez você queira cantar, ou então tocar instrumentos de solo, como por exemplo: Instrumentos de sopro (saxofones, clarinetes, flauta doce ou transversal, trompete...) e instrumentos de cordas (guitarra, violino…)

São inúmeras possibilidades de escolhas para você arrasar!

E lembrando que muitos instrumentos são versáteis, ou seja, eles trabalham muito bem nas três partes da música, mas isto vai depender do que você quer fazer com o instrumento.

Entenda melhor o seu perfil e descubra o instrumento ideal para você através da nossa aula experimental.

Agende agora mesmo!
Contatos:  (19) 3371-0458 / (19) 3301-2499 / (19) 99733-1839
Siga-nos
Entre em contato
Avenida Torquato da Silva Leitão, 413 – São Dimas – Piracicaba – SP
(19) 3371-0458
(19) 3301-2499
(19) 3371-0458
(19) 3301-2499
Avenida Torquato da Silva Leitão, 413 – São Dimas – Piracicaba – SP
FacebookInstagram
© 2019 - Momento Musical Escola de Música - Desenvolvido por Manduvi Marketing